Terça-feira - Manaus - 2 de junho de 2020 - 11:49

DIVERSÃO

'Zumbilândia: Atire Duas Vezes' é garantia de diversão e traz novidades

O filme se passa dez anos depois do apocalipse zumbi

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 23 de outubro

Aguarde até os créditos finais para conferir uma cena adicional estrelada por Bill Murray, o astro da comédia oitentista

Foto: Divulgação

Após o lançamento de Zumbilândia em 2009, os fãs que adoraram a combinação de humor e zumbis pediam por uma sequência da pitoresca aventura estrelada por Jesse Eisenberg (Batman vs. Superman: A Origem da Justiça), Emma Stone (La La Land: Cantando Estações), Woody Harrelson (Han Solo: Uma História Star Wars) e Abigail Breslin (Scream Queens). Nesta quinta-feira (24/10), o longa Zumbilândia: Atire Duas Vezes (Zombieland: Double Tap, EUA, 2019) marca o retorno do apocalipse zumbi mais engraçado do cinema!

Novamente sob a direção de Ruben Fleischer – que recentemente comandou Venom –, a obra tem roteiro assinado pela dupla responsável por Deadpool, Rhett Reese e Paul Wernick – além de Dave Callaham (Godzilla) –, e coloca nossos protagonistas para encarar o mundo uma década depois do surto de mortos-vivos. Deste modo, Columbus (Eisenberg), Wichita (Stone), Tallahassee (Harrelson) e Little Rock (Breslin) precisam sobreviver a zumbis mais sinistros e superar os desafios gerados pela convivência em relacionamento de longo prazo.

Quando o casal Columbus e Wichita rompe e o veterano Tallahassee descobre que a já adolescente Little Rock deseja encontrar seu primeiro amor, o grupo se vê obrigado a desbravar os Estados Unidos mais uma vez, rumo à comunidade de ‘Babylon”. Nessa jornada, surgem personagens inéditos, como a desmiolada Madison (Zoey Deutch, de The Politician), o músico Berkeley (Avan Jogia, de Twisted) – isto é, crush de Little Rock –, a sedutora Nevada (Rosario Dawson, de Demolidor) – inesperado interesse amoroso para Tallahassee.

Com aproximadamente 1h39 de duração, Zumbilândia: Atire Duas Vezes não demora para provar que a espera realmente valeu a pena, alternando entre cenas de ação completamente nonsense e diálogos divertidos, que culminam em piadas contadas com bastante inteligência. No entanto, apesar dos ineditismos e novatos, o destaque vai mesmo para a atuação de Woody Harrelson, que, na continuação, exerce os papéis de paizão superprotetor, solteirão e até de cover do Elvis Presley – e tudo isso passando em questão de minutos!

TH VIDEO