Domingo - Manaus - 31 de mai de 2020 - 08:22

MANAUS-AM

Suplente de vereador, PM é preso com 300 kg de drogas em Manaus

Robson Almeida Siqueira Filho foi candidato a vereador em 2016, pelo PPL

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 3 de janeiro

Com eles foram encontrados 300 quilos de maconha, LSD, veículos de luxo e R$ 10 mil em dinheiro

Fotos: Divulgação

O policial militar Robson Almeida Siqueira Filho, 33, conhecido como "Robinho" foi preso na tarde desta terça-feira, 02/01, suspeito de comandar uma organização criminosa de tráfico de drogas. Com ele foram encontrados 300 quilos de maconha, LSD, veículos de luxo e R$ 10 mil em dinheiro.

De acordo com o delegado Guilherme Torres, diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), também foram presos Bruno Albuquerque da Costa, 29, conhecido como 'Pitilico', e Alan Kennedy de Souza Nascimento, 28, que também faziam parte da quadrilha.

Robson Almeida Siqueira Filho, além de ser policial militar, é uma figura política conhecida em Manaus por ter sido candidato a vereador em 2016, pelo Partido Pátria Livre (PPL), ficando em 10º posição com 2285 votos válidos. A eleição o deixou como primeiro suplente do partido, que teve como eleito o Dr. Ewerton Wanderley.

A Polícia Civil já investigava Robson há mais de dois meses e ele foi apontado com o chefe do bando. "A lei é pra todos, o Robson é o cabeça da organização criminosa. Ele era o contato com os proprietários da droga e repassava para os outros membros dessa associação e eles revendiam", disse. O grupo foi interceptado na Comunidade do Jandira, no município de Iranduba (27km da capital).

No carro onde estava o PM 'Robinho', um Honda CRV com restrição de roubo do estado de São Paulo e as placas adulteradas (FLK - 8327), foi encontrada uma cartela de ecstasy, 30 comprimidos de LSD, uma porção de cocaína e R$10 mil em espécie. "Achamos também uma estufa onde eles produziam o LSD. Vendiam cada tablete por aproximadamente R$50", disse o delegado.

Depois do flagrante, as equipes se dirigiram até uma residência de luxo localizada na Rua Estrela D'alva, no Conjunto Morada do Sol, bairro Aleixo zona Centro-Sul da capital. No local foram apreendidos cerca de 300 quilos de maconha do tipo skunk e um carro do Alan, modelo Jeep SUV. 

Robinho foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e receptação, além de ser indiciado por adulteração de sinal identificador de veículo automotor. Bruno e Alan também foram autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico. 

O PM foi levado para o Batalhão de Guarda da Polícia Militar. Bruno, Alan e Jamesson serão encaminhados para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

FONTE: Reportagem: Nickson Maciel