Sexta-feira - Manaus - 29 de mai de 2020 - 00:22

MANAUS-AM

Mais de 17 mil pessoas já foram atendidas em chatbot com ‘triagem virtual’ para Covid-19

Sistema auxilia tirar dúvidas e dá orientações que buscam informações sobre Covid-19.

ADNEISON SEVERIANO

Publicado em 31 de março - 13:32

A ferramenta foi disponibilizada no último dia 18 de março

Foto: Arlesson Sicsú;TH

As ferramentas tecnológicas têm sido aliadas na prevenção do novo coronavírus. O Chatbot de Triagem do novo coronavírus (Covid-19), por exemplo, que foi criado pela Samel e Instituto Transire, auxilia pessoas com dúvidas sobre a doença, pode ter contribuído para evitar a sobrecarga do sistema de saúde tanto da rede pública como privada em Manaus. Em menos de 15 dias, o robô do sistema tirou dúvidas e atendeu virtualmente mais de 17 mil pessoas. Somente 150 pessoas precisaram procurar um hospital.

O chatbot foi criado com o objetivo de atender e orientar, de forma gratuita, o usuário para que ele saiba se é necessário comparecer a uma unidade de saúde, evitando ainda a exposição em ambientes hospitalares caso não haja indícios do paciente está com Covid-19. 

A ferramenta foi disponibilizada no último dia 18 de março e atendeu mais de 17 mil pessoas. A maioria (54%) dos atendimentos foi de pessoas usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS), cerca de mais de 9 mil usuários. Os demais atendimentos foram de clientes de planos da Samel ou operadoras de planos de saúde parceiras. “Atendemos gente de outros estados, dos Estados Unidos e de Portugal, mas a maioria era de Manaus”, disse diretor-presidente do Grupo Samel, Luís Alberto Nicolau.

O novo sistema simula uma conversa por chat, onde um robô realiza uma combinação de perguntas com informações médicas por meio de inteligência artificial. Com base nas respostas do usuário, o robô identifica se ele deve buscar atendimento médico em caso de suspeita de infecção por coronavírus ou se deve permanecer em casa. Em casos em que robô identifica a possibilidade de contágio de Covid-19, o usuário recebe um segundo atendimento, mas desta vez por equipe médica. O procedimento é chamado de teleconsulta.

Aproximadamente, 96,3% das pessoas atendidas pelo Chatbot de Triagem do novo coronavírus (Covid-19), o robô conseguiu tirar todas as dúvidas e dá orientações para cerca de 16.370 usuários. Outras 700 pessoas receberam a teleconsulta com equipe médica da Samel - médicos e enfermeiros. Desse total, 150 precisaram foram encaminhadas para unidades da Samel, quando eram clientes Samel ou de convênio de operadoras de planos de saúde parceiras. Os demais pacientes com suspeita do Covid-19 foram orientados a procurar uma unidade de saúde da rede pública em Manaus. A iniciativa reduziu o risco de exposição em ambientes hospitalares.

O Chatbot de Triagem do novo coronavírus pode ser acessado pelas redes sociais da Samel e nos seguintes endereços eletrônicos: www.samel.com.br e www.samelhealthtech.com.br e no aplicativo Samel, disponível para Android e IOS. O atendimento virtual continua durante 24h. “A procura pelo atendimento no Chatbot está estabilizada”, acrescentou Alberto Nicolau.


Foto: Reprodução

O usuário deve informar um número de telefone que tenha o aplicativo WhatsApp antes do início do atendimento virtual para que a equipe assistencial da Samel faça contato por vídeo chamada, caso a triagem do chatbot acuse sintomas do Covid-19. 

O Amazonas tem mais de 150 pessoas infectadas pelo novo coronavírus (Covid-19). Até segunda-feira, 30/3, já havia oito municípios amazonenses com casos confirmados de pessoas infectadas pelo vírus. Duas pessoas morreram pelo novo coronavírus até o momento.