Domingo - Manaus - 31 de mai de 2020 - 10:39

MANAUS-AM

Governo do AM anuncia liberação de R$ 23,4 mi para municípios enfrentarem o Covid-19

Serão contratados, ainda, 600 profissionais de saúde para atuar no Hospital Delphina Aziz.

ADNEISON SEVERIANO

Publicado em 30 de março - 15:04

Recursos deverão ser destinados para compra de insumos, EPIs, contratação de RH, entre outros.

Foto: Divulgação

O governo do Amazonas anunciou que a partir desta segunda-feira, 30/3, serão liberados R$ 23,4 milhões referentes a primeira parcela do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI). Os recursos serão distribuídos aos municípios amazonenses para ações de enfrentamento ao Covid-19.

O secretário de Estado de Saúde (Susam), Rodrigo Tobias, explicou que o critério adotado para uso desses recursos dos municípios. “O critério é todas as ações, seja a compra de insumos, EPIs, contratação de RH. Então, esse recurso será distribuído para os municípios”, disse o secretário.

Os municípios receberão ainda mais três parcelas ao longo de 2020. 

Ampliação

Em Manaus, a unidade de referência do novo coronavírus - Hospital Delphina Aziz - tem plano de expansão com 300 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) alugados pelo Ministério da Saúde. Até primeira semana de abril, a Susam também pretende contratar 600 profissionais de saúde que atuarão nessa nova estrutura de assistência hospitalar.  

“Além de tudo disso, hoje, iniciamos no Hospital Delphina Aziz a contratação de pelos menos 600 profissionais de saúde para fazerem ações de saúde daqueles que precisarem de cuidados intensivos. Estamos no momento de contratação médicos intensivistas, enfermeiros intensivistas, fisioterapeutas, psicólogos e técnicos de enfermagem. Todo um conjunto de especialidades para ofertar cuidados para os casos que por venham a aparecer no Delphina Aziz. A expectativa é que até o dia 7 de abril tenhamos esses profissionais. Isso deve ser feita de forma paulatina, porque estamos em fase de aluguel de 300 leitos de UTIs com a empresa que ganhou a licitação do Ministério da Saúde e a gente depende deles quando tarão esses leitos para cá. À medida que os leitos forem chegando, faremos a contratação desses recursos humanos”, explicou Rodrigo Tobias.

Amazonas tem 151 pessoas infectadas pelo novo coronavírus (Covid-19) até esta segunda-feira, 30/3. Já são oito municípios amazonenses com casos confirmados de pessoas infectadas pelo vírus. Novo Airão teve primeiro caso de Covid-19 e número infectados de Parintins aumentou. O Amazonas tem 22 pacientes internados com a doença.