Sábado - Manaus - 8 de agosto de 2020 - 19:48

MANAUS-AM

Dupla que tentou matar tenente da PM em assalto morre em hospital

Além dos dois envolvidos mortos, outros integrantes do grupo estavam dando cobertura a dupla em um Fiat Mobi

CARLA ALBUQUERQUE

Publicado em 31 de julho - 09:23

O tiroteio ocorreu já na madrugada desta sexta-feira, 31/7, na Rua Buriti, no Tancredo Neves

Fotos: Divulgação

O tenente das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) Renan Oliveira foi atingido com um tiro na barriga, na noite deste quinta-feira, 30/7, durante uma tentativa de assalto, na Avenida Autaz Mirim, Cidade de Deus, na zona Norte de Manaus. Dois suspeitos que participaram do crime morreram. Um deles, Alexsandre Padilha da Silva, 25, morreu após ser baleado pelo próprio tenente.

O outro suspeito morto, identificado junto ao Instituto Médico Legal (IML) como sendo Kenderson Maquine Almeida, 23, já tinha passagens por roubo e tráfico de drogas. Ele foi baleado após reagir a abordagem feita por policiais da Rocam, que saíram à procura dos outros suspeitos envolvidos no assalto ao policial. 

O tiroteio ocorreu já na madrugada desta sexta-feira, 31/7, na Rua Buriti, no Tancredo Neves, zona Leste da cidade. Com um dos suspeito foi apreendido um revólver calibre 38 com três munições, sendo duas deflagradas. 

Roubo 
Conforme informações da Polícia Militar (PM) o tenente foi surpreendido pelos suspeitos, quando estava em uma moto. De acordo com testemunhas, além dos dois envolvidos mortos, outros integrantes do grupo estavam dando cobertura a dupla em um Fiat Mobi. 

Ao ser rendido, o tenente reagiu e baleou um suspeito. Durante o confronto, o policial também foi ferido. Os dois foram socorridos e encaminhados ao Hospital e Pronto-Socorro Dr. Platão Araújo, onde o criminoso não resistiu e morreu. O oficial foi submetido a procedimentos médicos e passa bem.