Sábado - Manaus - 6 de junho de 2020 - 20:05

MANAUS-AM

Casa de show 'Clube do Pará' é fechada por fiscalização da SSP em Manaus

O local não possuía o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), extintores de incêndio e saída de emergência, além de outras irregularidades

REDAÇÃO TODA HORA

Publicado em 28 de janeiro

A operação “Alegoria Proibida” é uma ação integrada da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas

Foto: Divulgação/ SSP

A casa de show Clube do Pará, localizada na avenida Max Teixeira, no bairro Cidade Nova, zona norte de Manaus, foi fechada na noite deste sábado (27/01) durante ação de fiscalização da operação “Alegoria Proibida”. O local não possuía o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), extintores de incêndio e saída de emergência, além de outras irregularidades. O local foi multado e está fechado para qualquer evento até que os proprietários regularizem o estabelecimento.

A operação “Alegoria Proibida” é uma ação integrada da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) que reúne servidores da Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Departamento Estadual de Transito (Detran-AM). No sábado, as forças de segurança do Amazonas percorreram as bandas do Jangadeiro, do Boteco, da Chiquita, da Glória e a banda da FM O Dia, realizadas nas zonas centro-sul, oeste e sul da capital.

“Essa será a nossa rotina até a quarta-feira de cinzas, todas as bandas serão visitadas. Todas terão a proteção da SSP, do governo do Amazonino, se Deus quiser o carnaval seguirá assim: com tranquilidade sendo somente uma festa de alegria do povo de Manaus”, disse o vice-governador e Secretário de Segurança, Bosco Saraiva.

Durante o período carnavalesco, a Polícia Militar do Amazonas atuará com o efetivo de mais de quatro mil servidores realizando o policiamento a pé, além de mais de 400 policiais motorizados. A polícia estará presente em todos os blocos, bandas e eventos carnavalescos. “Nós estaremos integrados na operação ‘Alegoria Proibida’ para levar segurança à nossa população. O nosso objetivo é garantir que as pessoas possam ir para as bandas, brincar e voltar em segurança para os seus lares”, disse o comandante geral da PMAM, coronel David Brandão.

A polícia estará presente em todos os blocos, bandas e eventos carnavalescos